Categories
Economia INE

Défice menos maior, mas ainda a engrandecer* (act.)

" (…) Excluindo a categoria dos Combustíveis e Lubrificantes, o saldo da balança comercial teria registado uma variação negativa de -10,3% [o défice sem Combustíveis e Lubrificantes encolheu 10,3%]. (…)"

Pois é, o diabo é que a categoria é das menos "excluíveis" que temos.  Venha a nós a chuva para reduzir a factura!

De qualquer forma, continua a ser interessante acompanhar o que nos trará o Comércio Internacional nos próximos meses. As exportações continuam a crescer mais depressa que as importações, mesmo contando com a categoria famigerada. 

* Uma paródia privada, se me dão licença.