Categories
Palavras dos Outros

O fim da Triologia da volta aos blogues

RAVE PARTY
Foram anunciados os futuros traçados do TGV. Anunciaram-se os prazos de execução. E os custos estimados (24 mil milhões de euros!).

Só um “PORMENOR”: a empresa RAVE – Rede Ferroviária de Alta Velocidade S.A., que tem dois accionistas: Estado (60%) e Refer (40%), lançou um concurso público de “Estudo das Ligações Transfronteiriças que se integram na Ligação Ferroviária de Alta Velocidade entre Lisboa / Porto e Madrid – Estudo de Viabilidade de 3 Corredores e Estudo Prévio do Corredor Aprovado”
Lançamento do concurso – 1 de Julho 2003
Abertura das propostas – 21 Outubro 2003

Os candidatos à realização do concurso devem estar banzados. Em pouco mais de 3 semanas, tudo foi decidido. Afinal, para que se vai realizar o” Estudo de viabilidade”? A viabilidade foi decidida na sexta-feira: o Orçamento de Estado vai pagar.
O TGV tornou-se viável! (…)”

in Cidadão Livre

Bem me parecia que tinha ouvido falar destes estudos, mas há mais, não percam o resto da história no Cidadão Livre.