Categories
Desporto Mimos SCP

Ergue-se o cálice em honra dos vencedores

Mas que pomada! No cálice restava apenas um gole cor de caramelo daquele inacreditável moscatel. Venâncio da Costa Lima, Reserva 2006. Cada gota fazia questão de se expandir com estalo pelo palato, aquecendo com a amplitude de uma névoa todas as papilas conhecidas e já esquecidas que ocupavam aquele palco de eleição.

Vasco fez-se a ele e virou o copo sobre a mesa em sinal de remate.

O Sporting voltara a ganhar com classe e empenho, vingando-se do digno Setúbal que assim, naquele néctar, fazia a vénia devida ao vencedor.

Saúde!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.