Categories
Partido Socialista

O PS tem de subir de nível – a mudança tem de começar por dentro, hoje

Muito sinceramente espero que haja energia vital e inteligência dentro do PS para saber interpretar estes resultados e projetar o futuro do partido, um futuro que não se limite a preparar a próxima eleição. O discurso que estou a ouvir é dissonante com a realidade. O espetáculo a que assisti hoje por parte do PS não o dignifica e revela que aquilo que valoriza está desalinhado com o que é exigível para governar o país, mudando de forma de comunicar e de se comprometer com os eleitores.

Quando uma pessoa assim pensa, estando num partido democrático, tem um bom caminho. Democraticamente tentarei lutar por ele. Quero um partido capaz de captar de forma mais clara o apoio dos portugueses, mais audaz na construção da alternativa que termos de encontrar em tempo de grande exigência. Melhor informado sobre o que se passa na Europa, com mais recursos para reagir em tempo útil aos desafios do nosso tempo, às barreiras e obstáculos que se sucedem.

O PS teve uma das vitórias mais curtas para o segundo colocado num cenário em que tudo exigiria uma clara vitória, uma vitória que projetasse sem dúvidas um cenário de maioria absoluta como aliás o próprio SG assumiu.
No fundo quero um PS capaz de se preparar melhor, de forma mais competente, explorando todos os seus recursos internos, valorizando os seus erros passados mas também as suas conquistas, usando a sua história para apresentar um programa de governo concreto, escrutinável em todas as suas vertentes. Um PS tão bom como o melhor que já conseguiu ser e melhor se possível.

A governação futura, com a vitória do partido popular, com o reforço do poder das forças anti-europeias e das extremistas passou a ser ainda mais difícil mas essa dificuldade demanda-nos para ir além das soluções comuns, da gestão política corrente, da tática de curtíssimo prazo.

Naturalmente, imaginar um confronto democrático interno a um ano de eleições, dentro de um partido, de qualquer partido, não se adivinha como o cenário mais desejável, mas pela avaliação que faço do momento atual do PS, do que tem sido a mensagem política do PS e, fundamentalmente, do que é a interpretação justa e sensata deste resultado bem pior seria manter o apoio a este caminho e à fraca esperança que ele oferece.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.