Categories
MEP Política

Primeiro dia: Porto-Matosinhos-Gaia-Porto

O dia começou com a atribuição da estrela à CNIS, a primeira de 12 que simbolizam exemplos em que nos revemos quanto ao que pretendemos de concretização dos nossos princípios políticos. Em paralelo fez-se aquela que foi a primeira de cerca de 60 acções de campanha na rua com contacto directo com os eleitores. Da experiência que tenho tido nas semanas anteriores em arruadas esporádicas devo dizer que fiquei com a sensação de que a notoriedade do MEP aumentou imenso. Diria que dos 3 em cada 10 que conheciam o MEP, estamos perto de inverter o número, 6 a 7 em cada 10 já conhecem. Pelo menos hoje no Porto, Matosinhos e Gaia foi assim. As referências às intervenções de Laurinda Alves na TV no único debate a 13 realizado até ao momento repetiram-se. Por cada dois ou três desacoroçoados com a política lá foi aparecendo um entusiasta que se nos juntou em campanha requerendo material para distribuir entre amigos e conhecidos. Estas intimações, de todo inesperadas, logo na primeira arruada, deixam-nos cheios de esperança para que dia 7 haja de facto uma grande surpresa com o MEP.

gaia

Seguiu-se uma passagem em Matosinhos igualmente encorajadora. À hora de almoço rumamos a Gaia onde assentámos arraiais com MEP Force 1. Rui Marques e Laurinda Alves desdobraram-se em entrevistas ao longo do dia. O primeiro canal de TV a cobrir a campanha veio a ser o Porto Canal. A RTP continua a pautar-se pela ausência, já o mesmo não se pode dizer da Antena 1 que nos acompanhou em algumas etapas, nomeadamente na última: o Jantar Comício na Fundação Cupertino de Miranda que reuniu quase 300 pessoas.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.