Categories
Uncategorized

Um dia destes Quino – II

Ter filhos pode matar” havemos de ler ainda um dia na publicidade a preservativos, a caixas de pílulas ou a radicais tratamentos de castração, isto para não falar já numa referência igualmente paternalista às inevitáveis limitações que a criação tem sobre o cartão de crédito. Afinal ninguém precisa que se lhe diga que “Mais um puto acarreta em média ter de esperar mais Xis anos para poder mudar de carro”.

2 replies on “Um dia destes Quino – II”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.