Devolução

Se a Fernanda Câncio me indicar onde é que alguém na blogoesfera defendeu "a ideia de que as pessoas que se apaixonam por pessoas do mesmo sexo são necessariamente revolucionárias radicais libertárias de esquerda" terei muito gosto em secundá-la. Tinha para mim que ser diferente da norma e afirmá-lo já era qualquer coisa por si, sem ter de atrelar características estafadas dignas de argumentarísmo tolo*. Entretanto, que tal provar do seu próprio conselho sobre seriedade…

Quanto à bicicleta, já disse tudo o que tinha a dizer. Podem levá-la que eu até ajudo e não é de hoje. Quando pudermos falar do resto…

*  Expressão com direitos de autor.