Os poderes dentro da universidade

Os poderes dentro da universidade

Até admito que não haja paridade num órgão como o concelho directivo, que este sendo iminentemente executivo possa ter uma preponderância de quem assume a responsabilidade pela gestão de cada instituto ou faculdade, agora no Senado… No Senado a representação de funcionários e estudante tem de estar garantida. O Senado toma macro-decisões para o presente e para o futuro da universidade. Os estudantes serão assim tão diminuídos intelectualmente para não poderem e deverem participar, propor, ter conhecimento, debater a universidade que os forma? Que sentido faz atribuir um poder quase despótico a um iluminado reitor? A um magnífico reitor?

2 thoughts on “Os poderes dentro da universidade

  1. Pedro

    Sentido não faz…mas tens de admitir quão conveniente seria(será?) para os reitores,se os estudantes não tivessem palavra num orgão estruturante como o senado…

  2. Rui MCB

    Pois é também a criação dessas conveniências muito pouco liberais que tenho muito gosto em combater. Conveniência por conveniência extingam-se os senados e designem-se os reitores por nomeação política!

Comments are closed.