Faço minhas as suas palavras V

Sobre a entrada anterior (O Vaticano).
É bom ler e ouvir reacções como as relatadas ao longo da tarde de hoje na TSF. Destaco a de D. Manuel Martins, bispo emérito de Setúbal. Ouvintes da RR, que se diz por lá?

O religioso deseja «uma igreja que esteja atenta e disponível e aberta aos desafios, que seja ponte entre todos os homens, que se aproxime, que não afaste ninguém. (…) Isto tem que acontecer porque a nossa igreja é muito fechada, está muito adormecida, está muito indiferente a tudo aquilo que a cerca», lamentou.
D. Manuel Martins lamenta ainda que as mulheres sejam afastadas do altar.
«Tenho muita pena que queiram afastar por inteiro do altar as mulheres. São pessoas como eu, com os mesmo direitos que eu. Pelo menos que não se afastem do altar como acólitas e como leitoras», defendeu.
in TSF