Ferro Rodrigues

Segue opinião:
Independentemente de quem poderá vir a dar ordens de escuta no futuro, neste momento, o senhor Ferro Rodrigues membro do conselho de estado, pode estar sob escuta decidida por quem de direito. Ou seja, pode estar a ser investigado, seja por riscos de interferência com o exercício da justiça (justificação de legalidade duvidosa pelo que sei), seja por suspeita grave da prática de actos criminosos, certo?
Então investigue-se. Aguardemos com serenidade o fim das investigações, discuta-se o que se quiser discutir quanto às alterações a introduzir mas deixem-se de histerismo e vitimizações senhores. Para este jogo não é possível mudar as regras. E tal como assumo que até prova de culpa todos são inocentes também tenho o direito e o dever de assumir que os agentes da justiça estão a cumprir estritamente com o seu ofício. Nem mais, nem menos.
O PS está a prestar um mau serviço à democracia. E já agora o verborreico procurador também…
Quanto aos jornais chegamos a uma fase que acreditar é uma questão de fé.